Destaques da base, goleiros Pedro e Gabriel se profissionalizam

Arqueiros firmam primeiro contrato e se preparam para Série B1 sub-20

Por: Anderson Lima
17/04/2019 – 18:54
Foto: Arthur Barreto / DCFC / AMS

O Duque de Caxias segue valorizando os atletas das categorias de base. Após profissionalizar o atacante Roger Fafá, no fim de 2018, mais dois jogadores assinaram seus respectivos contratos profissionais com o Gigante Tricolor da Baixada: os goleiros Pedro e Gabriel. Ambos estão no elenco que vai disputar a Série B1 sub-20, a partir de maio, e treinam com a equipe profissional.

Mais jovem dos dois goleiros, Gabriel, de 17 anos, esteve no sub-17 do Duque de Caxias na temporada passada e está em seu primeiro ano na equipe sub-20. O atleta mostra grande carinho pelo clube e gratidão pelo acolhimento durante uma lesão, que o impediu de jogar com regularidade.

– Primeiramente quero agradecer a Deus pela oportunidade de fazer parte de um grande clube, como o Duque de Caxias. Estou muito feliz em ter a chance de treinar com grandes profissionais com apenas 17 anos. O Duque foi o clube que me abriu as portas, deu a oportunidade de jogar competições importantes e me acolheu após minha lesão durante meu empréstimo ao Vasco. Tenho um carinho enorme pelo clube e pelas pessoas do clube. Aqui dentro há um sentimento de família. Todo mundo se ajuda e busca sempre melhorar – contou e falou sobre a sua expectativa para a temporada de 2019.

– Esse ano a gente espera subir, tanto no profissional quanto nas demais categorias. Temos totais condições de chegar. Estamos trabalhando forte e se Deus quiser, ano que vem, estaremos na Série A – projetou.

Mais experiente, Pedro, de 18 anos, conta como foi sua chegada ao Gigante Tricolor da Baixada. Oriundo do futsal, ele conta que teve que se adaptar rapidamente. O goleiro ainda destacou a sua boa performance na Taça Corcovado sub-17 de 2017, na qual o Duque foi vice-campeão. Na temporada passada, Pedro foi titular no Torneio OPG.

– Cheguei no Duque em 2017, vindo do futsal. Como eu jogava pouco no campo, busquei me adaptar o mais rápido possível. Neste mesmo ano, no sub-17, fomos vice-campeões da Taça Corcovado, com uma ótima trajetória, em que pude ajudar o time em muitas ocasiões, com ótimas defesas de pênaltis. Em 2018, mantive o ritmo e no final do ano surgiu o convite para assinar com o profissional. Fiquei muito feliz em poder representar um clube da magnitude do Duque, um gigante. Eu tenho muito a agradecer ao goleiro Jaime, pois ele me ajudou muito durante esse tempo. Ele confiou em mim e sabe do meu potencial. Essa confiança depositada em mim tem que ser recompensada e vai ser – disse e também se mostrou otimista para a temporada:

– Em 2019, espero conquistar títulos pelo profissional. A equipe que está sendo montada é excelente. Tenho certeza que a torcida vai ter muitas alegrias – finalizou.

Na primeira semana de treinamentos visando a Série B1, os dois goleiros estiveram em campo em um jogo-treino contra o Rio de Janeiro, clube da Série C do Rio. O Duque de Caxias atuou com um elenco formado, majoritariamente, pelos selecionados nas avaliações de fevereiro e com alguns atletas do sub-20. A atividade foi acompanhada de perto pelo técnico Mário Junior e demais membros da comissão técnica.

Pela Série B1 do Campeonato Carioca, o Duque de Caxias estreia no dia 25 de maio, às 15h, diante do Friburguense, fora de casa, no Estádio Eduardo Guinle. A equipe sub-20 faz a preliminar às 12h45.

PARCEIROS