Duque de Caxias vence Sampaio Corrêa e segue no topo da B1

Com gol de Rafael Tanque, Tricolor chega na terceira vitória consecutiva

Por: Sidney Araujo
18/11/2020 – 23:05
Foto: Arthur Barreto / DCFC / AMS

Em revanche da semifinal da Taça Santos Dumont, o Duque de Caxias venceu a equipe do Sampaio por 1 a 0, na tarde desta quarta (18), no Marrentão. Com gol de Rafael Tanque, o Tricolor da Baixada venceu a terceira partida seguida, foi aos 15 pontos e segue na liderança do Grupo A da Taça Corcovado. Ainda mais, o Duque alcançou os 31 e também assegurou o topo da classificação geral do Campeonato Carioca Série B1. Assim, o Gigante só precisa de mais uma vitória para se garantir não apenas na semifinal do segundo turno, mas também no Estadual.

Leia mais: Duque quebra tabu histórico ao vencer o Sampaio Corrêa

Primeiro tempo movimentado, oportunidades e gol do Duque de Caxias

Mesmo com a chuvinha fina caindo em Xerém, Duque de Caxias e Sampaio Corrêa iniciaram com tudo o primeiro tempo. Logo aos quatro minutos, a bola foi levantada pelo lado esquerdo, Ronan escorou no meio da área e Maikon Aquino quase marca de cabeça em cima da linha, mas a defesa conseguiu afastar. Assim, com muita movimentação pelos lados e boas oportunidades nas jogadas aéreas, o Duque criava chances de gol.

Aos 12, depois de bola cruzada pelo lado esquerdo, Gonçalves apareceu no segundo pau para cabecear à queima roupa, obrigando boa defesa do goleiro Ranule. Ainda em ritmo alucinante, o Duque chegou novamente ao gol do Sampaio. Aos 18, depois de cruzamento pelo lado direito, Maikon Aquino desviou de cabeça no meio da área, mas a bola parou na trave. Contudo, quando não era a trave para salvar o adversário, o camisa 1 aparecia para impedir o primeiro do Duque. Aos 20 minutos, George cobrou falta com capricho no canto direito, mas o arqueiro novamente teve que trabalhar.



Apesar do Tricolor da Baixada jogar melhor, o Sampaio Corrêa incomodava nas decidas e marcava forte no campo de jogo. Porém, após tanto tentar, o goleiro Ranule não conseguiu impedir que o Duque inaugurasse o placar no Marrentão. Aos 42, Vandinho cruzou no lado esquerdo da entrada da área, e Rafael Tanque subiu mais que o zagueiro Espinho para cabecear no canto direito do goleiro. No fim, aos 46 do primeiro tempo, Emerson Carioca quase empatou para os visitantes após finalização na grande área, mas o goleiro Bruno conseguiu garantir a vitória parcial.

Segundo tempo muito pegado, excesso de faltas e lideranç(as)

Na frente do placar, o Duque de Caxias controlava as ações e saia nos contra-ataques. Por outro lado, o Sampaio Corrêa corria atrás para reverter a situação. Contudo, com pouca criatividade, o adversário tentava chegar ao gol de Bruno nas bolas lançadas para dentro da área. O primeiro chute do segundo tempo só foi sair aos 21 minutos, em finalização para fora de Luan Donizete pelo lado direito de ataque.



Muito brigado e discutido, o jogo ficava mais parado no Marrentão. Dessa forma, fazendo com que os jogadores reclamassem com a arbitragem pelo excesso de faltas sinalizadas. Além disso, vários cartões foram distribuídos para ambos os lados. Assim, a equipe do Sampaio Corrêa continuava insistindo nos cruzamentos e os lançamentos longos para o campo de ataque. Contudo, a partida seguia sem grandes oportunidades.

Nos minutos finais, os nervos ficaram a flor da pele em Xerém. Mesmo com o goleiro do Sampaio indo para área para tentar o gol do empate, foi o Duque que quase ampliou. Aos 48 minutos, em puxada de contra-ataque, Alex Pixote avançou pelo meio e deixou Luan Donizete de cara para o gol. Entretanto, na hora de finalizar a poça de lama acabou “desarmando” o atacante. Mesmo assim, já não dava tempo para mais nada e o Duque de Caxias conseguiu garantir a terceira vitória consecutiva na B1.

Último desafio no segundo turno!

Líder da Taça Corcovado e da Campeonato, o Duque de Caxias vai até Campos dos Goytacazes neste final de semana, onde a equipe irá pegar o Goytacaz, sábado (21), no Estádio Aryzão.

PATROCINADOR

PARCEIROS